Compartilhe
cigarrinha do milho

Cigarrinha-do-Milho: como fazer o controle biológico

A cigarrinha-do-milho (Dalbulus maidis) é uma praga persistente que pode causar danos significativos às plantações de milho. Por isso, adotar práticas sustentáveis e eficientes (como o controle biológico) no manejo de pragas torna-se crucial para a agricultura moderna. Neste contexto, o controle com insumos microbiológicos surge como uma solução eficaz para combater a cigarrinha-do-milho.

Os danos causados pela cigarrinha-do-milho

Ao sugar a seiva, a cigarrinha enfraquece as plantas, reduzindo a produção e enchimento de grãos, consequentemente, afetando sua qualidade e rendimento. Além disso,  a cigarrinha (agindo como um vetor) pode transmitir doenças como o enfezamento, que  podem trazer um prejuízo gigantesco à lavoura. O impacto principal é percebido na rentabilidade dos produtores, já que a cigarrinha-do-milho tem um potencial de prejuízo que pode chegar até 80% em algumas lavouras. 

Como o controle biológico atua? 

Em resumo, os insumos biológicos são produtos formulados à base de microrganismos benéficos. No caso do combate à cigarrinha-do-milho, o fungo Beauveria bassiana age interrompendo a locomoção, alimentação e reprodução da praga, resultando em sua morte. Ele coloniza o inseto alvo, se multiplicando no inseto e gerando mais esporos do fungo que auxiliam em se manter na área por mais tempo efetuando o controle dos insetos.

A vantagem do manejo biológico de pragas é poder atuar de maneira específica e exclusiva contra a cigarrinha-do-milho, proporcionando um controle eficiente sem prejudicar outros organismos benéficos do solo e da lavoura. 

Combate e prevenção da praga

Em conclusão, integrar os biológicos ao plano de manejo integrado de pragas é uma estratégia preventiva e eficaz. Aplicações regulares desses produtos durante os estágios críticos de desenvolvimento do milho ajudam a prevenir as infestações e reduzem a dependência de métodos convencionais.

Ao adotar estratégias de controle biológico da cigarrinha-do-milho com insumos microbiológicos, os agricultores não apenas preservam suas colheitas, mas também promovem uma agricultura mais sustentável. Nesse sentido, conte com nossos produtos para potencializar o rendimento de suas plantações de milho, enquanto respeita o meio ambiente e impulsiona a produtividade agrícola de maneira responsável.

O FlyControl® e o aumento de produtividade

Pensando em ajudar o produtor rural com os desafios do dia a dia, a Simbiose desenvolveu e tem em seu portfólio o FlyControl®: um inseticida microbiológico de alta performance. 

Com aplicação via barra, ele pode ser usado em associação com o manejo químico que já é feito na lavoura e só tem a agregar no controle da cigarrinha-do-milho. 

Por fim, te convidamos a ouvir a história do Marcos Lindner que é produtor rural e também sofreu com a infestação da praga na sua lavoura:

Acesse a publicação aqui.

 

 

Ficou com alguma dúvida? Estamos à disposição para te ajudar na batalha contra a cigarrinha-do-milho.

Entre em contato conosco pelos principais canais de comunicação: 

 

                 

 

Escrito por:
Ivan Carlos Zorzzi
Gerente de Desenvolvimento de Mercado da Simbiose
ivan.zorzzi@simbiose-agro.com.br

 

Leia Mais

Os inseticidas microbiológicos são ferramentas de controle de insetos-praga, amplamente utilizadas no Manejo Integrado de Pragas (MIP). Essa adoção crescente...

A cigarrinha-do-milho (Dalbulus maidis) é uma praga persistente que pode causar danos significativos às plantações de milho. Por isso, adotar...