A simbiose se tornou a maior ganhadora do prêmio, totalizando já 4 troféus.

A empresa irá receber a premiação na próxima quarta-feira (30). ACI Cruz Alta será homenageada durante cerimônia 

A Federasul reconhece empresas que se destacam em um dos setores mais importantes da economia do Estado. Em sua quinta edição o Prêmio Vencedores do Agronegócio irá entregar no próximo dia 30 de agosto, durante o Tá na Mesa, o Troféu Três Porteiras para empresas que se destacam em seis categorias diferentes. Pela primeira vez a cerimônia será realizada na Expointer.

Dentre os vencedores está a empresa Simbiose Indústria e Comércio de Fertilizantes e Insumos Microbiológicos LTDA, de Cruz Alta, que venceu na categoria Indústria de Insumos com o case: “NemaControl®: Proteção eficaz sem impacto ambiental.

A Simbiose Agro possui mais de nove anos de atuação no ramo do comércio de fertilizantes e insumos microbiológicos. Atualmente é uma das maiores representantes do ramo no Brasil e vence o prêmio, que está na 5ª edição, pela quarta vez, tendo sido premiada também nos anos de 2013, 2014 e 2015.

Para Marcelo de Godoy, Diretor Geral da empresa, o mérito da premiação é de toda a equipe Simbiose, “TODOS sem exceção. Aqui trabalhamos unidos por um só objetivo. Todos somos merecedores”, enfatiza.

Dentre os outros vencedores estão Dália Alimentos, Flora Natural, Tecon Rio Grande S.A, Instituto Rio Grandense Do Arroz e Fazenda Quinta da Estância. Os nove agraciados, sendo seis vencedores em diferentes categorias e três destaques especiais, foram escolhidos por uma Comissão Julgadora que analisou 18 cases inscritos. Os critérios de premiação obedeceram a criatividade e a inovação, a estratégia de negócio, ferramenta de marketing e resultados obtidos.

Para receber a premiação estarão presentes os diretores e alguns gerentes da Simbiose. Além da premiação aos agraciados, durante o evento também serão homenageados o Presidente da Associação Comercial Industrial de Cruz Alta João Paulo Ribas Reis e o Vice-Presidente Regional, Emerson Souza.

Esta é a primeira vez, após cinco edições do prêmio, que as entidades também são homenageadas, juntamente com os vencedores. O objetivo é fortalecer as relações entre ACI’s e empresas, e incentivar cada vez mais a participação dos empresários.

O case vencedor

Em 2007, a Simbiose criou um insumo microbiológico capaz de eliminar fungos de solo de maneira sustentável diferentemente dos insumos produzidos por métodos convencionais da época. O objetivo foi desenvolver a primeira tecnologia microbiológica brasileira para o controle do nematoide das lesões. O produto foi criado, mantendo-se o foco no ideal de disponibilizar perante os produtores de soja uma técnica eficaz e sustentável para o controle desta doença e promover, assim, a segurança da lavoura, aumentando a produtividade safra após safra.


Fonte: ACI Cruz Alta